Associação Cultural Humaitá

Agbegbe fun ijosin ti orisá ati Umbanda

O que faz parte da Umbanda e o que não pertence a este universo

Saudações nobres ouvintes. Neste episódio, tratamos deste assunto, um tanto ácido, mas necessário a discussão. Quais elementos neste universo das religiões afro realmente pertencem a Umbanda e quais são estranhos a religião em sua base? Vamos discutir? Acompanhe com a equipe do conversas.

Novo podcast no ar: Leis, justiça, liberdade, emanações de nosso pai Xangô.

Nossa liberdade tem tudo a ver com leis, justiça, discernimento, e tudo isso emana da vibração do Orixá da justiça, nosso grande pai Xangô. Nesta mesa de discussão do Conversas de terreiro, falamos sobre todos esses assuntos, tão atuais nestes dias, principalmente, a liberdade. Confira!

Mediunidade e o caráter

Neste episódio de nosso podcast, a equipe do Conversas mais uma vez chamou o assunto mediunidade a pauta do programa, desta vez para entender, se o caráter da pessoa, no caso o médium, exerce influência na sua faculdade mediúnica.

Confira nossa discussão:

A Moral e os bons costumes na Umbanda

Certo e errado? Aos olhos de quem. Moral, bons costumes, os valores ocidentais cristãos. Enfim, qual a visão da Umbanda de tudo isso? Melhor, onde a Umbanda se encaixa neste contexto, e quais são os valores preservados pela Umbanda. 

A equipe do Conversas de Terreiro debateu estas pautas neste podcast, que está recheado de discussão e acordos. Mas estes acordos é que não acordamos em nada, hehehehe.

Umbanda e Batuque Gaúcho, semelhanças e diferenças

Neste podcast falamos de Umbanda e Batuque Gaúcho. Breves comentários sobre ambas as formas de religião afro brasileira, suas semelhanças, diferenças e as críticas que uma lança sobre a outra. Uma breve reflexão, sem tomar partido de nenhum lado, mas olhando ambas as formas de religiosidade como são, sabendo que a intenção de ambas é aproximar o ser humano das divindades.

Rituais, uma análise crítica(e bem crítica) sobre.

Saravá Umbanda. Neste episódio, a equipe do Conversas fez uma análise, podemos dizer, bem crítica, com uma visão “de fora” nos ritos, vestimentas, pompas, enfim, os excessos presentes nas religiões afro, em especial na Umbanda. Utilizamos, inclusive, para enriquecer o debate, um áudio gravado nos anos 70, onde o Caboclo das 7 Encruzilhadas, incorporado em seu médium, Zélio F. de Moraes nos trás algumas considerações. Confira!!!

Page 1 of 67

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén