Associação Cultural Humaitá

Agbegbe fun ijosin ti orisá ati Umbanda

Saudações caros leitores. Mais uma vez, um assunto nos vem a mente nestes tempos que atravessamos. A pandemia do novo Coronavírus nos faz refletir: Para nós, privilegiados por ter um teto sobre nossas cabeças, alimento a mesa, roupas limpas e quentes (principalmente para nós, moradores do Rio Grande do Sul), onde temos um inverno rigoroso, faz toda diferença para estes tempos de distanciamento social, onde por vezes fomos submetidos ao “fique em casa”; tudo certo, estamos bem ou mal com todo necessário para passar estes tempos. Mas quem não tem casa? E para quem a casa é a marquise de um lugar qualquer?

Estes tempos de distanciamento social, que nos exigem maior higiene e cuidados necessários para evitar o contágio do novo coronavírus, realmente faz refletir sobre nossos irmãos de jornada que estão na condição de moradores de rua. Para tanto, saímos em pesquisa para encontrar algum conteúdo que relacionasse esta condição com a espiritualidade. Acompanhe no vídeo produzido pela TV Mundo Maior, um ótimo conteúdo sobre o assunto: Moradores de Rua no Mundo Maior Repórter.

3 comentários sobre “Moradores de Rua

  1. Já repeti esta frase outras duas vezes, e vai de novo: Se alguém quiser saber o que é SOFRIMENTO MORAL DE UM IRMAO, o que é CARIDADE e como se faz CARIDADE, basta assistir o vídeo! E só um filho de Oxalá pra postar material assim, só um Cacique da Umbanda!

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.