Associação Cultural Humaitá

Agbegbe fun ijosin ti orisá ati Umbanda
Os Bantos

Banto é o nome que se dá a um conjunto de povos da África sul-equatorial. Esses povos falam diferentes idiomas (embora sejam todos derivados de uma mesma lingua original) e têm diferentes tradições culturais.


Origens


A expansão dos bantos se deu, provavelmente, há 2 mil anos. As causas e os itinerários desse movimento ainda são objeto de estudo dos antropólogos. Acredita-se que a mais possível área de origem desses povos seja a região em que hoje fica a costa de Camarões e da Nigéria.

Apesar da origem em comum, os povos bantos têm organizações sociais, econômicas e políticas muito distintas. Os sistemas de linhagem e de parentesco, as práticas religiosas e as formas de governo exibem grande diversidade. O motivo, em parte, é a grande extensão de território africano que ocupam: aproximadamente 9 milhões de quilômetros quadrados da África subsaariana, ao sul de uma linha que corta o continente desde a baía de Biafra, no oceano Atlântico, até Melinde, no Índico.

Línguas bantas:


Banto é também o nome de um tronco linguístico, ou seja, uma língua que deu origem a muitas outras. Estima-se que atualmente existam cerca de 500 línguas bantas. Dentre elas está o suaíli, um importante idioma falado por cerca de 5 milhões de pessoas como língua-mãe e por outros 30 milhões como segunda língua.

Uma das características dos idiomas bantos é o fato de utlizarem muitos prefixos e sufixos — por exemplo, para indicar se uma palavra está no singular ou no plural. A própria palavra banto demonstra isso. Antes da palavra ntu, ou ntô (“homem”), pode ser usado o prefixo mu (que indica o singular) ou o prefixo ba (que indica o plural). O termo “banto”, portanto, significa “os homens”, ou seja, “o povo”.

Os bantos no Brasil


Os bantos foram um dos grupos mais numerosos a chegar ao Brasil na época da escravidão, trazidos de Angola, do Congo e de Moçambique. No Brasil, eram levados principalmente para o Maranhão, o Pará, Pernambuco, Alagoas, Rio de Janeiro e São Paulo.

Os bantos tiveram participação expressiva na formação da cultura e do povo brasileiro. Várias palavras do português falado no Brasil têm origem no quimbundo, uma língua banta de Angola. Alguns exemplos são: moleque, cafuné, quilombo, caçula, macumba, senzala, fubá e farofa. Na música, o gosto dos bantos pela dança e pelos instrumentos de percussão teve influência decisiva em ritmos brasileiros como o samba, a bossa nova, a congada, o maracatu e o pagode. Também são de origem banta o berimbau, a cuíca e a capoeira.

Fonte: https://escola.britannica.com.br/

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.