Associação Cultural Humaitá

Agbegbe fun ijosin ti orisá ati Umbanda
Um Sacerdote no Atabaque!!

Jesus salve a Umbanda!!

A noite foi a de uma chuvosa e fria quarta-feira. O dia era 25 de agosto de 2021. O local, a Terreira de Umbando de Xango 7 Raios e do Pedra Negra localizada na cidade de Arroio do Sal, Litoral Norte do RS.

Estávamos todos lá, Sacerdotes-dirigentes, trabalhadores e o público.

Motivo: Festa em Homenagem aos Exús da Umbanda.

Aqui um parêntese: como de sempre, a gira, a sessão é iniciada pelos Babalorixás, sacerdotess escolhidos e formados pelos Orixás. Apenas os escolhidos e formados possuem as qualidades exigidas pelos Orixas para tal ofício. Então pessoal, já é possivel perceber a relevância litúrgica deste ministério; a relevância do Pai Michael de Oxalá e da Mãe Andréia de Xango na Umbanda e para a Terreira do Caboclo de Xango 7 Raios!!!

Continuando…

Lá pela metade da Festa, este velho barbudo, aprendiz de cambono, resolveu ir para perto da porta de saída do Congá para dar lugar a outros colegas. E vejam vocês que fui parar ao lado do atabaqueiro…

E depois de 29 meses frequentando a terreira, e de apenas algumas dezenas de sessões como trabalhador, me deparei com a cena MAIS SURPREENDENTE E ATÉ MAIS ESTRANHA dentro de uma gira de quaquer religião de matriz africana!

Uma cena que me fez ficar emocionado. E que me faz ficar emocionado novamente agora: EU VI UM BABALORIXÁ NO ATABAQUE!!!

Isto mesmo!! Um babalorixá!! Um Pai de Santo, o mesmo ministro escolhido pelos Orixás que me referi algumas linhas acima!! Michael de Oxalá!! Vejam, Michael não estava no melhor lugar da sala onde acontecia a gira; Michael não estava no centro do quarto; não estava sentado num trono, como se costuma ver por aí!!

Michael não estava vestido com roupas da Corte. Michael sequer estava incorporado, servindo de aparelho para uma super entidade. Este Pai de Santo sequer trabalha como medium de incorporação na 1° corrente…

Simples como seu Velho, o Pai João Inácio da Guiné, Michael permanceu invisivel na Festa para os Exús. Simples como o Velho, vestia uma antiga calca jeans branca, um casaco de abrigo batido e alpargatas descosturadas, vestimentas compradas com todo o amor de uma esposa pelo seu marido, pela Mãe de Santo Andréia de Xango…

Simples como seu Velho, Michael mantém sua condição de Mago e Sacerdote da Alta Magia, detendor da leitura de mais de 150 obras, atrás de um tambor, em um canto do quarto, parte mais escura, que nem é alcançada pela brisa do ventilador…

E la estava eu, pequeninimho ao lado de um Sacerdote da Umbanda tocando atabaque, cujas mãos tocavam pontos, pensando que no outro dia estas mesmas mãos iriam tocar pontos de ouro ao lado de seu outro velho pai…

Agora, só agora eu sei porque ele é o mais preparado de todos nós: Michael Pagno vive mais dentro do que fora dele; Michael vive mais do lado espiritual do que do lado material. Michael já é mais espírito do que matéria…

Saravá a todos vocês.

José Augusto da Cunha Meira

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.