Associação Cultural Humaitá

Agbegbe fun ijosin ti orisá ati Umbanda
Umbanda, a arte de curar

Muitas definições do nome Umbanda são aceitas, e em verdade, creio que a maioria, se não todos podem definir o que é esta religião. Arte de curar, conjunto das leis de Deus, e a clássica: Manifestação do espírito para caridade, entre outras.

A arte de curar em minha opinião se torna a mais bela definição de nossa religião. Arte de curar, a cura dos males do corpo, do espírito, da mente humana, em tempos que estamos diante de uma humanidade doente, enferma pelas doenças, e não sei em que momento “viramos a chave” para adoecer seriamente em nossas mentes. O medo, a raiva, a cobiça, depressão, ansiedade e a falta de paciência e de virtudes dominam nossa raça. Talvez nunca tenhamos precisado tanto de cura.

Nossos Orixás e guias trabalham incansavelmente, diuturnamente para nos trazer auxílio e alento, mas não podem viver nossas vidas. É sabido por todos espiritualistas que esta passagem pela terra se dá no sentido de ser uma escola para nossa existência como espíritos imortais. Uma série desta escola, onde devemos galgar todos os cursos, desde os primários, até nosso doutorado, em sucessivas reencarnações, atingindo a perfeição relativa, pois toda perfeição pertence ao criador.

Nesse sentido, se estamos em uma escola, nossos guias e Orixás estão para nós como nossos orientadores, trazendo ajuda, e as vezes até mais que isso, nos adiantando por vezes provas que tenhamos de enfrentar, para que estejamos mais preparados e aptos a enfrenta-las, indicando ebós e axés que facilitam a vida, promovem a cura e abrem bons caminhos.

Mas nada disso é suficiente quando não se tem uma fé inabalável, força de vontade e coragem para encarar nossas provas e trilhar nossas sendas. Somos resistentes a mudanças, apegados ao sofrimento, somos como crianças que choram quando querem um brinquedo e nossos pais dizem não. Como deve ser difícil ser guia, mentor ou Orixá de alguém, não damos ouvidos a eles, e ainda choramos por não ter nossas vontades atendidas na hora que queremos e como queremos.

Umbanda, a arte de curar, curar todos que estão com os corações abertos e dispostos a ser curados. Admitir nosso erro é o primeiro passo para o acerto, o resto, será corrigido pela força do ebó, basta ter fé e querer.

Axé!

1 comentário em “Umbanda, a arte de curar

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.